Tecnologia ajuda a melhorar a qualidade de vida dos idosos

7COMmMiscelâneaTecnologia ajuda a melhorar a qualidade de vida dos idosos
14
dez
2014

Um estudo realizado nos Estados Unidos, mostra que idosos que utilizam tecnologia para se comunicar se sentem mais enriquecidos, informados, jovens e em maior contato com os outros e a sociedade.

Esta é a primeira geração de idosos que tem a possibilidade de utilizar uma maior variedade de tecnologias para comunicação entre os 65 e 75 anos, faixa etária pesquisada. O estudo descobriu que o uso de Tecnologias da Informação e Comunicação está diminuindo a lacuna entre gerações de uma maneira nova: filhos e netos compartilham seu conhecimento tecnológico, ensinando e dando apoio aos pais e parentes, criando um espaço comum na relação entre eles.

Com o aumento da presença da tecnologia no dia a dia, há um aumento na divisão digital entre gerações, onde aqueles que usam a tecnologia sentem uma melhora na qualidade de vida. Além disso, há ainda a divisão do uso da tecnologia entre os mais velhos, pois a maioria ainda não utiliza smartphones, tablets e novos serviços.

tecnologia idosos TI

Os filhos e netos estão entre as mais fortes influências para idosos começarem a usar novos modos de comunicação. Mandar mensagens de texto é um hábito que migrou para essa faixa etária a partir de seus parentes mais novos. Este progresso está diminuindo o uso de voz e e-mail, já que os idosos estão descobrindo que os jovens preferem se comunicar por mensagens.

Com telas maiores e interface familiar, o tablet é um dispositivo atraente para pessoas de 65 a 75 anos, e sua popularidade deve crescer ainda mais entre essa faixa etária. Chamadas de vídeo estão começando a conquistar os idosos que foram entrevistados para o estudo. “Eles veem como uma ferramenta perfeita, de fácil manuseio e que permite ter conversas com amigos próximos e familiares. Também permite que detalhes e experiências sejam compartilhados”, conta André Gualda, analista do ConsumerLab da Ericsson no Brasil.

No Brasil, a tendência também é notada nessa faixa da população. Um exemplo desse cenário é o casal paulista Rocco Casalaspro, 86 anos, e Rosa Casalaspro, 81 anos, que acessa a internet quase todo dia. Eles utilizam o Skype para conversar com os familiares mais distantes, além de terem um perfil no Facebook e assistirem vídeos no Youtube. Além de utilizar o computador, o casal também possui um tablet. “Temos que imitar as netas”, brinca Rosa. Ela também destaca que a dedicação das netas em ensiná-los a utilizar o computador foi um grande incentivo para a entrada do casal na web.

 

Fonte: IPNews

Add Comment

Your email address will not be published.

quatro × quatro =