Motivação é uma porta que se abre por dentro. E você? Está motivado?

7COMmCarreira em TIMotivação é uma porta que se abre por dentro. E você? Está motivado?
7
jan
2015

Por: Rodrigo Pace de Barros

A motivação é o Eldorado do mercado de trabalho. Manter equipes motivadas se tornou o sonho de todo gestor, seja ele novo ou experiente. Gestores são mensurados e qualificados pela forma como motivam suas equipes. Alguns deles são parceiros e trabalham em equipe. Outros são mais autoritários e motivam pelo medo ou pressão. Além disso, as empresas atualmente gastam muito dinheiro e tempo motivando seus colaboradores das mais variadas formas. De atividades internas a cursos e palestrantes contratados especificamente para isso. Podemos indicar aqui milhares de cursos, consultores e palestrantes ótimos em motivação e que irão trabalhar incansavelmente para motiva-lo seja onde for. Porém, se a terra é árida, a semente não cresce.Então, de onde vem a nossa motivação? A motivação é filha de nossos valores pessoais. Ela somente é gerada e se mantém viva se houver um propósito no qual acreditamos verdadeiramente. Ou seja, devemos crer verdadeiramente em algo para podermos nos motivar de verdade. Não é simples apesar de parecer. Você deve estar se perguntando: “OK. Mas como encontro meus valores?”. A resposta passa por nós mesmos e mais ninguém. Devemos refletir e nos questionar: “No que eu acredito? O que me deixa muito feliz? O que eu faço sem reclamar?” (veja algumas dicas mais abaixo). As respostas são, muitas vezes, custosas e precisamos de apoio especializado para conseguir chegar lá. Coaches e psicólogos são ótimos nestes momentos e facilitam as descobertas. Estas respostas estão fundamentadas em nossos valores ou princípios morais. Eles são tão fortes e profundos que, por exemplo, se você tiver que ir contra eles em razão de uma atividade do trabalho, você certamente desistirá de promoções e salários para manter sua integridade. Tudo porque aquilo vai contra seus princípios.Então, se a motivação é algo difícil de se conseguir, como podemos atingi-la? Como dissemos no título deste artigo, a motivação é uma porta que só se abre por dentro. Se a pessoa não estiver pronta, nada surtirá efeito. Ou o efeito externo da motivação será passageiro. É por isso que, apesar de válidos, palestras e cursos motivacionais tem resultado temporário. Assim, da mesma forma que a porta da motivação é aberta por dentro, sua razão de existir também está mora dentro de cada um de nós. A raiz da motivação pessoal e profissional está em nossos valores pessoais.

Os valores pessoais são, segundo Flavio Souza, ” …tudo aquilo que realmente é importante para nós, que nos permite viver nossa missão e que dá mais propósito e sentido à vida.”. Assim, você pode chegar à conclusão de que você, por valor próprio, é muito responsável. Ou gosta muito de ajudar os outros. Pode também ter a honestidade como principio. Não importa. Cada um tem o seu conjunto de valores. Estes valores são a fonte da sua motivação. Eles farão a porta da sua motivação perdida ser aberta pelo lado de dentro.

Imagine um mundo ideal. Imagine um trabalho onde você faz o que te move, baseado em seus princípios morais. Ou seja: você faz algo que ama e o faz assim porque tem a certeza de que aquilo é certo para você e para os outros. Fantástico, não? Essa é a diferença entre quem tem sucesso e quem não. Essa é a força da motivação: a fé (e não estamos falando sobre religião).

Trabalhar em coisas que se apoiam em nossos valores é tão gratificante que salários e cargos, incrivelmente, ficam em segundo plano. Segundas-feiras passam a ser iguais às sextas. Trabalho extra se torna prazeroso. Tudo porque você acredita realmente no que faz.

Agora, trace um paralelo desta motivação acima e da motivação enlatada em palestras e treinamentos. Novamente dizemos: nada contra elas. Pelo contrário. Se bem aproveitados, eles são excelentes ferramentas que devem sim ser exploradas por empresas e pessoas em busca de apoio. Porém, estamos falando de ferramentas que só tocarão os ouvintes/estudantes caso seus valores pessoais estejam em jogo. Sem isso, o placar não sairá do zero.

Descubra-se. O autoconhecimento é a chave.

motivacao-no-trabalho-TI

Você pode encontrar seus valores pessoais, conforme falamos acima, apenas refletindo sobre o que é importante para você. Porém essa tarefa pode ser complicada. Assim, encontramos no site Lounge Empreendedor uma sequência de dicas que pode nos ajudar nesta tarefa. Confiram:

  1. Escreva uma lista com os dez valores mais importantes para você, hoje, de acordo com os seus objetivos de vida. Escreva os valores que vêm à sua mente quando você pensa sobre o que pretende alcançar e o que o faz mover nesse sentido. Por exemplo, alguns valores pessoais podem ser: Ajudar os outros, Familia, Justiça, Honestidade, Amizade, etc.
  2. Em seguida posicione esses valores na ordem da sua importância de acordo com seus objetivos atuais. Do mais importante para o menos importante.
  3. Agora pense sobre como seria a vida dos seus sonhos. Que tipo de pessoa você seria, o que estaria fazendo, de que forma você estaria vivendo de acordo com a sua visão e de acordo com os valores mais importantes para você neste momento?

Dinheiro não é princípio. Sem trabalho a vida se torna triste e as chances de uma depressão surgir aumentam. O trabalho enobrece e deve estar presente em nossas vidas sempre. Além disso, buscar um trabalho onde seus valores pessoais possam ser utilizados pode ser difícil. As vezes isso pode envolver uma transição de carreira, e isso pode levar algum tempo. Porém, podemos garantir que este ‘crime’ compensa. É reconfortante ter ciência de que estamos no caminho certo e ter a certeza que trabalharemos com o que realmente acreditamos.Devemos ser os agentes da nossa própria mudança e, para isso, precisamos estar motivados em busca de um novo significado para nossas vidas. Não será fácil, teremos muito trabalho, mas será glorioso no final. Como disse Santo Agostinho, “Não há lugar para a sabedoria onde não há paciência.”.Motive-se em torno de si mesmo.

 

Sobre Rodrigo Pace de Barros

PMP Possui 12 anos de experiência em projetos de Segurança de TI e ambientes de missão crítica em empresas de grande porte. É formado pela Unesp de São José do Rio Preto e possui MBA em Gestão de TI pela FIAP. Colunista em diversos portais de TI e Gestão de carreiras, palestrante, instrutor e assessor de carreiras especializado em TI. Site: http://www.rodrigopace.com.br

Fontes: TI Especialistas

Add Comment

Your email address will not be published.

um × 2 =