Search
+55 (11) 3358-7700

Potencialidade da computação em nuvem foi revelada em números estratosféricos em 2018

Como uma das colunas de sustentação da transformação digital, a cloud Computing foi acompanhada em todas as suas possibilidades, potencialidades e tendências ao longo de 2018 e o resultado deste monitoramento não poderia ter sido mais animador. Executivos da área, especialistas, entusiastas e, principalmente os estudos a respeito do tema foram praticamente unanimes em apontar a tecnologia como uma das que registrarão os maiores índices de crescimento nos próximos anos.

A ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) foi uma das entidades que apresentaram um dos cenários mais animadores para o país com relação à nuvem. O estudo “2018 – Mercado Brasileiro de Software: Panorama e Tendências” revelou sete tendências que vão determinar o crescimento deste setor nos próximos meses. São elas:

  • A intenção de terceirização vem crescendo no Brasil, passando de 25% (2013) para 37% (2015), chegando a 44% em 2017/18.
  • A demanda por Cloud cresce intensamente, mas os gestores não distinguem claramente as modalidades e os serviços ofertados.
  • A demanda de performance e disponibilidade requerida por empresas digitalizadas é mais apertada, pressionando a infraestrutura por melhor confiabilidade e tempo de resposta.
  • Apesar de projetos de IoT começarem a ter tração agora, já há empresas com planos de oferecer Edge Datacenters
  • Soluções Híbridas continuarão predominando nos próximos anos no Brasil.
  • Multicloud já é realidade no Brasil – o volume de médias e grandes empresas que têm apenas um provedor é praticamente igual ao das que têm mais de um provedor.
  • Aumenta a percepção de que um Broker traz benefícios na contratação da Cloud Pública, ajudando na jornada de migração.

Com essa configuração, a expectativa dos responsáveis pela pesquisa é de que a contratação de infraestrutura, plataforma e software como serviço em cloud pública atingirá US$ 1,7 bilhão no Brasil em 2018 e praticamente dobra até 2020. Segundo eles, cerca de 40% das médias e grandes empresas imaginam contratar cloud pública de um broker ou cloud service manager csm.

Outra pesquisa, publicada pela Asia Cloud Computing Association (ACCA) fez uma avaliação sobre os países que possuem as melhores condições para a oferta de computação em nuvem. Segundo o trabalho, o Brasil aparece na oitava posição. Para elaborar o ranking, a organização levou em conta 10 parâmetros, que incluem conectividade internacional, disponibilidade e sustentabilidade de energia elétrica, risco a datacenters, qualidade da banda larga, privacidade, cibersegurança, proteção à propriedade intelectual, sofisticação dos negócios, liberdade de informação e ambiente regulatório. O Brasil obteve as melhores pontuações nos parâmetros relativos à segurança, liberdade e energia. As piores avaliações ficaram por conta dos riscos a datacenters, proteção à propriedade intelectual e conectividade internacional.

Atenta a todos estes aspectos, números e tendências, a 7COMm está preparada para suprir ao uma grande demanda por projetos nesta área em 2019 e nos próximos anos. Para isso ela oferece uma equipe especializada em soluções Cloud que auxilia na especificação de servidores, serviços, estrutura de rede e segurança, proporcionando um projeto customizado às demandas da área de TI e à estratégia da empresa.

 

A 7COMm atua em estreita parceria com os principais fornecedores do mercado e possui sólido relacionamento com a Microsoft em projetos de plataforma Azure. Na prática a companhia oferece serviços como:

  • Consultoria na migração de aplicações para Cloud Computing
  • Gerenciamento e monitoramento dos servidores e serviços na nuvem
  • Desenho da infraestrutura e da estratégia da migração
  • Automatização de processos no ambiente Cloud
  • Elasticidade e escalabilidade de aplicações

Se o Céu é o limite para a inovação e a transformação digital, as nuvens precisam ser alcançadas o quanto antes. Entre em contato e vamos subir juntos em 2019.