Search
+55 (11) 3358-7700

Foco do Business Intelligence deve mudar do modelo centralizado no projeto para o produto

“Acreditamos que este é o surgimento de um novo tipo de líder: o Chief Data Officer (CDO) 4.0”. Com essa frase o, vice-presidente e diretor de programa do Gartner Research Board, Mario Faria começou a explicar uma nova tendência identificada pela instituição no segmento de Business Inteligence. Segundo ele, com o aumento do uso de dados e análises (D & A) em toda a empresa, a mentalidade do diretor de dados precisa mudar do foco em projetos e programas de D & A para conduzir uma organização centrada no produto.

“O CDO 1.0 foi focado exclusivamente no gerenciamento de dados. O CDO 2.0 começou a adotar a análise. O CDO 3.0 liderou e participou bastante da transformação digital. Esta quarta versão do CDO é focada em produtos e na gestão de lucros e perdas, em vez de apenas ser responsável pela condução de projetos e programas de D & A”, comentou.

Aprofundando um pouco mais a reflexão, Faria afirmou em comunicado enviado à imprensa, que as organizações agora estão começando a alinhar o financiamento, os recursos de desenvolvimento e o suporte contínuo ao gerenciamento em torno de um conjunto de linhas de produtos duradouras. O Gartner espera que 72% das organizações usem o modelo de produto este ano.

Uma organização de D & A centrada no produto requer novos conjuntos de habilidades, funções, modelos de investimento e a cultura certa. O Gartner Research Board identificou três etapas para se tornar um CDO centrado no produto. São elas:

Think Platform First

Quando se encarrega de criar um produto, o CDO deve planejar a plataforma de D & A primeiro e depois definir o plano de lançamento e o roteiro. Seguindo esses passos cruciais, uma equipe pode ser construída para fazer o ciclo de entrega acontecer. Faria disse que os CDOs devem pensar primeiro sobre os dados e depois sobre os casos de uso, seguindo o exemplo das principais empresas de D & A, como Facebook, Amazon, Google e Apple. Ele disse que essas empresas construíram plataformas de sucesso que permitem o uso de captura e análise de dados, com ciclos de vida mais rápidos entre os lançamentos.

Alterar modelos de investimento

Os CDOs devem trabalhar com os líderes de suas organizações para adaptar ou alterar os modelos de investimento que seus negócios possuem atualmente. Servir uma área ou uma equipe individualmente não é mais um modelo escalonável. Os CDOs devem procurar dimensionar o uso da plataforma em toda a empresa.

Use uma metodologia de gerenciamento de produto comprovada

Os CIOs e outros executivos interfuncionais, assim como os líderes das unidades de negócios, devem definir o tom da importância da gestão de produtos para impulsionar o crescimento e a escala bem-sucedidos. É fundamental que a definição do papel seja clara para todas as partes interessadas enfocando em visão e objetivos, metas, escopo e métricas – especificamente, as métricas para a transição para uma abordagem centrada no cliente para a inovação.

A 7COMm tem prestado suporte estratégico para empresas de todos os portes no desenvolvimento de estruturas de business intelligence que levam em consideração as constantes movimentações e tendências do mercado. Os profissionais da companhia acompanham de perto todas as tendências relacionadas à transformação digital e conseguem antecipar ações no sentido de fazer com que seus parceiros de negócio estejam cada vez mais focados em produtos e na gestão de lucros. Clique aqui, entre em contato e leve sua organização para a era do CDO 4.0.